25 de março de 2018

Mulheres SEM MEDO de mudar a universidade, o Brasil e o mundo!

Rumo ao 8º EME da UNE, que acontecerá entre 30 de março a 1º de abril, na Universidade Federal de Juiz de Fora (MG)




Historicamente a luta pela democratização do acesso à educação tem um protagonismo importante das mulheres organizadas em defesa da mesma. Mesmo sendo maioria nas universidades há duas décadas, a verdade é que as mulheres ainda não encontram nessas instituições um ambiente confortável e acessível diante de suas especificidades. Para além da pouca representatividade das mulheres nas instâncias deliberativas das universidades, ainda resistimos ao machismo e racismo institucional durante todo o nosso percurso acadêmico.

18 de março de 2018

O corpo se foi, mas o sonho resiste


Pautas do movimento negro e homenagens à Marielle Franco marcam o último dia da Tenda Sem Medo no FSM 2018


Texto: Thídila Salim


O terceiro e último dia (16) da Tenda Sem Medo no Fórum Social Mundial (FSM) manteve sua programação original, porém, todas as atividades da tenda foram marcadas por menções e homenagens a ex-vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco, morta à tiros nesta quarta-feira (14), por volta das 21h30 no centro do Rio de Janeiro. O dia final do evento foi aberto com uma grande roda de conversa feminista Mulheres Sem Medo, com a participação de Paula Coradi, executiva nacional do PSOL, Marcela Prestes, militante feminista contra a violência obstétrica, Andrea Zhouri da organização Brigadas Populares, Sandra Siqueira do coletivo Lemarx, entre outras convidadas significativas do movimento feminista nacional. A discussão foi aberta a todas as mulheres presentes na tenda, que tiveram tempo de contribuir com a roda expondo pensamentos e críticas. A atividade foi construída para trocar experiências e informações sobre a pauta feminista nos movimentos sociais e organizações políticas do Brasil e do mundo. Paula foi a primeira das convidadas a se manifestar e iniciou sua fala prestando homenagem a Marielle: “Não tem como o espaço não ser sobre isso”. O principal assunto girou em torno da mulher negra na sociedade, também foi discutido a violência obstétrica, leis de atentado a vida das mulheres, lesbofia, entre outros temas.

16 de março de 2018

Marcha para Marielle marca segundo dia da Tenda Sem Medo durante o FSM 2018

Morte da ex-vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) mudou programação da Tenda Sem Medo, que organizou grande marcha em sua homenagem


Texto: Thídila Salim
Fotografia: Wallace Cardozo



A programação que estava prevista para o segundo dia (15) da Tenda do Povo Sem Medo no Forúm Social Mundial foi interrompida com a terrível notícia da morte da vereadora Marielle Franco (PSOL) na noite anterior (14), na rua Joaquim Palhares do bairro Estácio, região central do Rio de Janeiro (RJ).  Foram disparados nove tiros contra o veículo que se encontrava a vereadora, por volta das 21h30. Ela foi atingida por quatro balas na cabeça e faleceu junto ao motorista do veículo, Anderson Pedro Gomes, que também foi atingido. Uma marcha foi organizada pelos convidados e pessoas que foram conferir a programação do segundo dia da tenda em ato de homenagem. Muitos convidados de movimentos sociais e partidos políticos de esquerda prestaram discursos de solidariedade ao caso de Marielle, entre eles, o candidato à presidência da república, Guilherme Boulos (PSOL) e sua vice Sônia Guajajara (PSOL). “Nós vamos exigir uma investigação independente, vamos cobrar justiça pelos quatro cantos desse país”, disse Boulos antes da marcha se organizar.